Podemos ir ao Tribunal da Relação de Coimbra ver teatro

COOLTURA
 
Resultado de imagem para coolectiva lazer cultura região centro

Podemos ir ao Tribunal da Relação de Coimbra ver teatro

A peça desenrola-se no Tribunal da Relação de Coimbra e inclui uma pequena refeição.

Não é a primeira vez que sugerimos uma ida ao Palácio da Justiça, em Coimbra, para ver teatro. E não é um espectáculo qualquer porque, para além de acontecer neste local privilegiado, inclui ainda um lanche durante a peça onde podem aproveitar para trocar uns dedos de conversa sobre a experiência.

Tudo acontece porque, a propósito das comemorações dos 100 anos do Tribunal da Relação de Coimbrao grupo FdC – Fatias de Cá apresenta a peça de teatro A Utopia de Thomas More, a partir de A man for all seasons, de Robert Bolt, nos espaços do Palácio da Justiça, na rua da Sofia, em Coimbra.

Thomas More – o brilhante autor de Utopia – ascendeu à posição de Lord Chanceler de Henrique VIII, em Inglaterra, em 1529. Quando Henrique VIII rompeu com a Igreja Católica, em 1531, depois de o Papa se ter recusado a conceder-lhe o divórcio de Catarina de Aragão, More demitiu-se do seu cargo de Chanceler. Em 1534, o Parlamento emitiu uma Lei, requerendo que todos os súbditos ingleses jurassem a concordância com a supremacia do Rei de Inglaterra sobre todos os soberanos estrangeiros – o que incluía o Papa. More recusou, foi preso e, finalmente, executado em 1535.

Podem assistir ao espectáculo nos sábados, dias 6 e 20 de Abril4 e 18 de Maio e 1 e 15 de Junho, sempre às 16h16. A iniciativa, que inclui lanche, tem o custo de 22 euros e 22 cêntimos e devem fazer reserva porque as sessões costumam ser bastante concorridas.

Há 3 elementos comuns aos espectáculos produzidos pelo Fatias de Cá: as peças desenrolam-se em espaços especiais, nomeadamente em património construído ou paisagístico (como conventos, castelos, palácios, matas, etc.); costuma existir um momento de refeição que é uma forma de sociabilização; e o acto teatral é pensado como um momento que emociona e diverte.

O Fatias de Cá é um grupo de teatro profissional e amador criado em 1979. Tem como lema Não resistir a uma ideia nova nem a um vinho velhoConta já com 8 centros de produção teatral em Portugal e está a implementar a sua internacionalização, que foi iniciada com a criação do FdC Bulgária e FdC Marrocos. Estes centros de produção teatral são enquadrados pelo Fatias de Cá – Mãe. A sustentabilidade financeira do Fatias de Cá tem assentado nas receitas de bilheteira, nos contributos do Mecenas de Cá e em apoios das mais diversas instituições. Enquadra cerca de 150 membros nivelados (entre profissionais e amadores) que desenvolvem uma actividade permanente, regular ou pontual.

A designação Fatias de Cá inspira-se no nome de um doce conventual (Fatias de Tomar) cuja receita pode ser considerada uma metáfora do acto teatral: batem-se as gemas dos ovos demoradamente até obterem um aspecto cremoso e uniforme e vão a cozer em banho-maria numa panela especial até ficarem com a consistência do pão. Fatia-se e frita-se em calda de açúcar. 


6 E 20 ABR, 4 E 18 MAI, 1 E 15 JUN | 16H16 | A UTOPIA DE THOMAS MORE
Palácio da Justiça, Rua da Sofia – Coimbra
Bilhetes
: 22€22 (inclui um modesto repasto em honra de Henrique VIII)
Contactos e reservas: 960 303 991, Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Powered by Marketing Lovers